quarta-feira, 16 de abril de 2014

Matemática insana.








Sobra saudade,
diminui afago, multiplica a dor
dividir? Impossível.

2 comentários:

  1. Comentário de Luiz Mário da Costa em 10 outubro 2011 às 18:01
    (Transcrito da minha página, na Casa da Poesia que foi desativada.)

    - Visão cinematográfica de uma poetisa em potencial, em matéria de vocábulos nunca vi igual, teus poemas são como salsas, dançante e performática, mesmo que você me esqueça e quase nunca me comente, eu jamais deixarei de ler-te, acima de tudo porque poesia me alimenta e você faz parte deste meu saciar, enfim um degustador vocábulos, sou eu; aqui estou para devorar teus poemas ka ka ka ka

    Mário Bróis..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mário, você é um amor de pessoa, sabia? Tão incentivador, tão leitor, tão assíduo! Se todos nós carregássemos esta virtude, nossa produção seria brilhante!
      Muito obrigada por sua presença que me enche de alegria, e prometo ser mais presente no seu cantinho especial. Estou indo lá agora, rss.
      Bjs.
      .

      Excluir

Seu comentário muito me honra. Sinta-se em casa.

Agradecida,

Vitalina de Assis.